EP word of the week (#120): dinossauro

Hoje, 1 de outubro de 2017, é dia de eleições autárquicas em Portugal. Isto significa que os portugueses são chamados às urnas para votar nos dirigentes das suas autarquias locais (incluindo os presidentes de Câmara e das Juntas de Freguesia); estas eleições ocorrem de quatro em quatro anos – a última antes desta teve lugar a 29 de setembro de 2017, e como todas as eleições em território nacional têm lugar a um domingo (para permitir a mobilização dos membros das mesas de voto e dos votantes sem afetar os horários de trabalho da maioria da população, que normalmente não trabalha no fim de semana).

Mas o que é que a palavra [o] dinossauro tem que ver com este processo? Bom, por comparação com os dinossauros pré-históricos (como o tiranossauro Rex), utiliza-se esta expressão para os líderes autárquicos (locais) que ficaram a cargo dos seus respetivos concelhos (municípios) / freguesias durante várias décadas (Portugal instaurou este regime do poder local com a Constituição de 1976, e alguns dirigentes locais estiveram mais de trinta anos no poder até uma lei do início desta década ter interdito o número de mandatos consecutivos a três, i.e. doze anos seguidos).

Os dinossauros autárquicos. Foto da revista Visão , aquando das últimas eleições autárquicas, nas quais muitos dos antigos dinossauros foram impossibilitados de concorrer devido à entrada em vigor da Lei de Limitação de Mandatos).

Como é óbvio, estes dirigentes – os dinossauros autárquicos – tiveram de ser eleitos de quatro em quatro anos, mas as suas vitórias eleitorais não os tornaram menos passíveis de ter comportamentos incorretos (e em muitos casos ilícitos): não poucas vezes a confiança cega que lhes era dada pelas populações, normalmente em troca de alguns (reduzidos) melhoramentos da sua qualidade de vida, acabava por dar confiança a estes dirigentes para efetuar atos de corrupção e outros crimes que lesaram (prejudicaram) o erário público local (ou seja, o dinheiro que todos os cidadãos contribuem para as autarquias através de impostos municipais).

É prática corrente em Portugal verem-se obras de melhoramento de estradas e ruas, equipamentos de saúde, educação e lazer nos meses que antecedem as eleições – ou pelo menos, é essa a sensação com que as pessoas ficam, aliada à propaganda eleitoral: a de que os incumbentes (aqueles que detêm o poder antes das eleições) tentam utilizá-lo por forma a demonstrar serviço, e portanto votos (permitindo assim a sua manutenção no poder, mantendo o status quo).

Para terminar este artigo de forma mais alegre, posso falar-vos dos dinossauros verdadeiros que existem em Portugal! Por exemplo, no concelho da Lourinhã (a nordeste de Lisboa, a cerca de uma hora de carro da capital) foram descobertas uma série de fósseis de dinossauros e outros animais pré-históricos; na vila podem ser visitados o Museu do Dinossauro e perto do mar existem pegadas de dinossauro a céu aberto. Se gostam da combinação entre ciência (em particular a paleontologia) e a já sobejamente conhecida costa portuguesa (com as suas praias viradas para o Atlântico), é um ótimo sítio para passar alguns dias!

Aconselho a que tentem visitá-los durante a Primavera; o Verão é, como é óbvio, a época alta, e tal implica não só preços mais altos como uma maior afluência às praias.

Pôr do sol na Praia da Areia Branca, concelho da Lourinhã.
Advertisements

2 thoughts on “EP word of the week (#120): dinossauro

  1. huawen October 23, 2017 / 3:26 pm

    A última eleição foi no 30 Sep 2013 (Foi domingo, quatro anos atrás) (não foi 2017?) ?

    Like

    • luisdomingos October 26, 2017 / 12:11 am

      Há eleições autárquicas de quatro em quatro anos. As últimas foram no dia 1 de Outubro deste ano (2017), tal como referido neste artigo. As eleições anteriores a esta tiveram lugar a 29 de setembro de 2013 (um domingo, já que as eleições em Portugal têm sempre lugar ao domingo).

      Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s